17/05/2020 às 10:28:00

FGF detalha medidas adotadas no enfrentamento ao coronavírus

Crédito: Divulgação / FGF

Crédito: Divulgação / FGF

   

Com um diálogo franco e transparência. assim tem sido  as medidas adotadas pela Federação Gaúcha de Futebol desde o início do enfrentamento ao coronavírus.

   Com a suspensão das atividades na sede física, videoconferências são realizadas sistematicamente para alinhar ações que minimizem os impactos da pandemia sobre o futebol no Rio Grande do Sul. Especialistas internos e externos são consultados pela direção da FGF para dar embasamento técnico às discussões que transitam entre questões sanitárias, jurídicas, econômicas e desportivas.

A Federação tem feito consultas à CBF e aos órgãos governamentais e autoridades da área da Saúde regularmente. Também são mantidas conversas com os filiados e as entidades que representam os atletas/empregados em clubes esportivos e os profissionais de mídia.

Comercialmente, a paralisação das competições exigiu remanejo em contratos publicitários e negociações com a emissora que detém os direitos de transmissão do principal campeonato do Estado.

A partir dos contatos realizados diariamente, decorreram ações que estão sendo colocadas em prática. Como a elaboração do protocolo com medidas de segurança que foi entregue ao governador Eduardo Leite para análise. Nesse sentido, é possível acrescentar a aquisição, por meio de parcerias, de testes de diagnóstico do COVID-19 e de 5 mil máscaras de proteção. 

A Federação também viabilizou a contratação de uma empresa especializada para realizar o descarte apropriado dos equipamentos de proteção individual que serão utilizados quando da retomada dos jogos. Conforme a legislação, resíduos classe I são considerados perigosos à saúde.

A definição de uma alternativa no calendário para o pleno andamento da disputa do Gauchão Ipiranga 2020 e da Divisão de Acesso 2020 e a criação de grupos de discussão junto a lideranças do futebol feminino e das categorias de base são preocupações igualmente dignas de registro.

Ao quadro funcional da Federação foram aplicadas medidas trabalhistas - MP 927/2020 e MP 936/2020 – visando, sobretudo, a manutenção dos empregos. A essas normativas do governo federal, soma-se a decisão do presidente Luciano Hocsman para que fosse adotado o modelo de home office pelos colaboradores por tempo indeterminado.

Rigorosamente todas as deliberações apresentadas estão alinhadas ao princípio de responsabilidade e ao dever de cautela que norteiam a entidade máxima do futebol gaúcho. Seja com clubes, sindicatos, imprensa, parceiros comerciais ou funcionários. Somente com o ajuste dos parâmetros é possível garantir a segurança e salvaguardar os direitos de todos diante de um cenário de excepcionalidade.

› Compartilhe este Post
Leia Também

23/05/2020 às 12:32:00

Finalmente Conmebol anuncia punições para jogadores expulsos em Gre-Nal da Libertadores

    Com julgamento realizado no dia 30 de março, o Tribunal Disciplinar da Conmebol, com uma demora de 52 dias, decidiu as puni&...

CONTINUE LENDO

21/05/2020 às 16:15:00

Dividas levam Cruzeiro de Minas a perder 6 pontos no Brasileiro B de 2020

O torcedor brasileiro pode não acreditar, mas é a pura verdade. Já na primeira ação julgada pela Fifa o Cruzeiro pe...

CONTINUE LENDO

19/05/2020 às 15:51:00

Juventude em comunicado oficial anuncia redução da salários

O Esporte Clube Juventude comunica que, conforme a MP 936, em acordo firmado com o grupo de jogadores do elenco profissional, reduziu os vencimentos e...

CONTINUE LENDO

15/05/2020 às 15:13:00

A Lenda está de volta

Após alguns anos afastados do nosso público e de seus amigos, uma lenda do futebol gaúcho, está voltando para o novo proje...

CONTINUE LENDO

13/05/2020 às 14:49:00

Proposta da FGF para retomada do Gauchão Ipiranga 2020 é aprovada por clubes

Em reunião virtual realizada na tarde desta quarta-feira (13), foi aprovada a proposta que a FGF apresentou aos clubes para a retomad...

CONTINUE LENDO

Receba Novidades


teste
Top